design-de-games

Segundo a associação dos desenvolvedores – Abragames – o setor de games no Brasil cresceu uma média de 12% nos últimos cinco anos. Os jogos são considerados como atividade da Economia Criativa, é uma soma de criatividade ao seu valor econômico, e ultrapassaram o viés do entretenimento. Atualmente, os games são importantes ferramentas pedagógicas, utilizadas em escolas e nas áreas da saúde, como jogos com sensores de movimento que auxiliam em tratamentos como terapia e fisioterapia e também no uso empresarial como advergames (propaganda e games) e treinamentos empresariais.

Design de games

O profissional de design de games não cuida apenas do roteiro e dos cenários. O profissional dá suporte à criação de programas e ambientes de jogos, complementando o planejamento geral, desenvolvido pelo bacharel. Assim, o bacharel e o tecnólogo têm funções complementares: o primeiro, com uma visão estratégica dos jogos; o segundo, responsável direto pela produção dos games. O tecnólogo entende fundamentalmente das ferramentas de informática e das diversas plataformas, da criação de ambientes em 2D e 3D e da modelagem de personagens virtuais, por exemplo. Existem vários tipos de jogos para analisarmos:

CardGameSão os jogos de cartas. Esse tipo de jogo é fantástico e os desenhos dos artistas impressiona. Garanto que se perguntar aos jogadores de Magic eles irão comentar da arte do jogo.

magic

BoardGame: São os jogos de tabuleiros. Grandes franquias apostam no gênero, como O Senhor dos Anéis, The Game of Thrones, entre outros.

detetive

Digital: Esse gênero é o mais jogado. Seja mobile, PC ou console, a fatia do mercado dos games digitais é a que mais cresce e mais gera lucro.

Journey-Jogo-Digital-990x556

Os games estão influenciando cada vez mais e o mercado está aumentando e gerando lucro. Qual gênero você mais gostaria de trabalhar?

Fonte

 

 

Faça um comentário

avatar