Engana-se quem pensa que o designer gráfico só tem que cuidar dos elementos visuais e do layout. Na hora de elaborar uma papelaria, não basta criar ótimos cartões ou envelopes. Também é preciso pensar em características relacionadas à impressão.

Conhecer os tipos de papéis que estão disponíveis, por exemplo, não é função apenas da gráfica. Para ser um profissional completo e com propriedade no assunto, é muito importante explorar esses aspectos. Ao final, você fica mais confiante para fazer boas recomendações aos clientes — e poderá fugir da impressão tradicional em papel offset 75 gramas.

Quer entender melhor a importância de expandir os seus conhecimentos sobre produção gráfica? Então, venha ler esse artigo e fique por dentro!

O conhecimento além do design digital

papelaria, design, design gráfico, layout, gráfica, produção gráfica

Um bom designer gráfico sabe escolher as fontes certas para o seu projeto, assim como as cores e layout. Porém, se o assunto é a criação da papelaria, tudo tem que ganhar vida.

O profissional tem que compreender a importância de fazer indicações complementares à sua função principal. Além de fechar o arquivo para a gráfica, deve entender as opções de acabamentos disponíveis, assim como os papéis que podem ser utilizados. Afinal, um cartão de visitas fosco ou de laminação especial será diferente daquele de acabamento básico. Além disso, uma folha tradicional para imprimir documentos não é a melhor alternativa quando o negócio quer uma papelaria com diferenciais.

O designer, então, deve assumir um papel consultivo, capaz de ajudar o cliente a fazer boas escolhas — da gramatura da folha ao processo de finalização. Assim, a atuação será completa e terá maior valor agregado, já que ele poderá indicar as alternativas que são melhores e que são em conta.

Os tipos de papéis mais usados

papelaria, design, design gráfico, layout, gráfica, produção gráfica

No mercado, há cada vez mais opções de papéis para as várias necessidades. Como um bom designer gráfico, é sua função explorar as principais características. A seguir, veja quais são os tipos famosos e saiba se preparar para a impressão antes de enviar o projeto de papelaria para a gráfica.

Sulfite

É o mais tradicional e barato. A gramatura varia de 56 a 240 gramas. É recomendado para cadernetas, folhetos e outros conjuntos de folhas.

Couchê

O couchê tem alta qualidade e pode ser fosco ou brilhante. Varia de 90 a 300 gramas e funciona muito bem para flyers, folders e materiais promocionais. Dependendo do estilo, também é adequado para os cartões de visita.

Supremo

Mais fosco e resistente que o couchê, tem gramatura de 250 a 350 gramas. É uma ótima opção para cartões de visita com toque de luxo, bem como pastas e calendários.

Reciclato

Feito com uma mistura de restos de papel com material novo, tem um aspecto sustentável. Aparece em várias gramaturas e é muito versátil, pois vai do recheio de agendas e cadernos a cartões de visita e embalagens.

Duplex

Como aponta o nome, é composto por duas camadas — uma lisa e a outra, colorida. Permite a impressão em apenas um dos lados e a gramatura vai de 250 a 350 gramas. Em geral, é ideal para criar embalagens personalizadas.

A importância para os clientes

papelaria, design, design gráfico, layout, gráfica, produção gráfica, cliente, consumidor

A papelaria é um elemento essencial da comunicação visual de qualquer negócio. Quando um cliente o contrata para essa elaboração, ele deseja obter a melhor solução.

Então, é preciso considerar as necessidades de cada empresa para dar orientações. Um empreendimento sustentável, por exemplo, deve recorrer ao papel reciclado. Já um estabelecimento com produtos de luxo pode adotar uma versão com gramatura maior e processo diferenciado. A laminação fosca com acabamentos UV em certos elementos deixa tudo mais sofisticado.

Entender essas variações em relação à imagem transmitida é essencial para acertar nas recomendações. Ao final, o cliente ficará muito satisfeito com o processo e com os resultados obtidos.

Para ser um designer gráfico de destaque é fundamental atuar como um profissional completo. Ao oferecer serviços de produção gráfica que vão além da criação, é possível gerar resultados muito melhores. Então, explorar os tipos de papéis é determinante para obter bons efeitos.

Para você que é apaixonado pelo tema e faz questão de se aperfeiçoar, conheça nossos cursos de Design Gráfico e recheie o seu currículo!

Faça um comentário

avatar